Saúde e Prosperidade

sobre amor

Posted on: 27/07/2005

Amar Bonito

Talvez seja tão simples, tolo e natural que você nunca tenha parado para pensar:

Aprendam a fazer bonito seu amor.

Ou fazer o seu amor ser ou ficar bonito.

Aprenda, apenas, a tão difícil arte de amar bonito.

Gostar é tão fácil que ninguém aceita aprender…

Tenho visto muito amor por aí.
Amores mesmo: bravios, gigantescos, descomunais, profundos, sinceros, cheios de entrega, doação e dádiva

Mas esbarram na dificuldade de se tornar bonitos.
Apenas isso: bonitos, belos ou embelezados, tratados com carinho, cuidado e atenção.
Amores levados com arte e ternura de mãos jardineiras.

Aí, esses amores que são verdadeiros, eternos e descomunais, de repente se percebem ameaçados e tão somente porque não sabem ser bonitos: cobram, exigem, rotinizam,descuidam, reclamam, deixam de compreender, necessitam mais do que oferecem, precisam mais do que atendem, enchem-se de razões.
Sim, de razões.
Ter razão é o maior perigo no amor.
Quem tem razão sempre se sente no direito (e o tem) de reivindicar, de exigir justiça, equidade, equiparação, sem atinar que o que está sem razão talvez passe por um momento de sua vida no qual não possa ter razão.
Nem queira!!!
Ter razão é um perigo: em geral, enfeia um amor,
pois é invocado com justiça, mas na hora errada.
Amar bonito é saber a hora de ter razão.
Ponha a mão na consciência. Você tem certeza de que está fazendo o seu amor bonito?
De que está tirando do gesto, da ação, da reação, do olhar, da saudade, da alegria do encontro, da dor do desencontro a maior beleza possível?
Talvez não.
Cheio ou cheia de razões, você separa do amor apenas aquilo que é exigido por suas partes necessitadas, quando talvez dele devesse pouco esperar, para valorizar melhor tudo de bom que de vez em quando ele pode trazer.
Quem espera mais do que isso sofre e, sofrendo, deixa de amar bonito.
Sofrendo, deixa de ser alegre, igual, irmão, criança.
E sem soltar a criança, nenhum amor é bonito.
Não tema o romantismo. Derrube as cercas da opinião alheia.
Faça coroas de margaridas e enfeite a cabeça de quem você ama.
Saia cantando e olhe alegre.
Recomenda-se: encabulamentos, ser pego em flagrante gostando, não se cansar de olhar e olhar, não atrapalhar a convivência com teorizações, adiar sempre se possível com beijos ‘aquela conversa importante que precisamos ter’, arquivar, se possível, as reclamações pela pouca atenção recebida.
Para quem ama, toda atenção é sempre pouca.
Quem ama feio não sabe que pouca atenção pode ser toda a atenção possível.
Quem ama bonito não gasta tempo dessa atenção cobrando a que deixou de ter.
Não teorize sobre o amor (deixe isso para nós, pobres escritores que vemos a vida como criança de nariz encostado na vitrine cheia de brinquedos dos nossos sonhos);
não teorize sobre o amor, ame.
Siga o destino dos sentimentos aqui e agora.
Não tenha medo exatamente de tudo o que você teme, como:
a sinceridade, abrir o coração, contar a verdade do tamanho do amor que sente;
não dar certo e depois vir a sofrer (sofrerá de qualquer jeito).
Jogue pro alto todas as jogadas, estratagemas, golpes, espertezas, atitudes sabiamente eficazes (não é sábio ser sabido): seja apenas você no auge de sua emoção e carência, exatamente aquele você que a vida impede de ser.
Seja você cantando desafinado, mas todas as manhãs.
Falando besteiras, mas criando sempre.
Gaguejando flores.
Sentindo o coração bater como no tempo do Natal infantil.
Revivendo os caminhos que intuiu em criança.
Sem medo de dizer eu quero, eu estou com vontade.
Deixe o seu amor ser a mais verdadeira expressão de tudo que você é.
Se o amor existe, seu conteúdo já é manifesto.
Não se preocupe mais com ele e suas definições.
Cuide agora da forma do amor:
Cuide da voz.
Cuide da fala.
Cuide do cuidado.
Cuide de você.
Ame-se o suficiente para ser capaz de gostar do amor e só assim poder começar a tentar fazer o outro feliz.

 

Artur da Távola

4 Respostas to "sobre amor"

Oiiiiiiiiiiii………….amiga como vaiiiiiiiiiii???????????Adorei esta mensagem é mesmo temos que aprender a amar bonito de verdade,gostei muito disso faz a gente pensar em um monte de coisas, que fizemos sempensar machucando os outros!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!Mas a vida é assim um dia a gente aprende!!!!!!!!!!SSSSuper bjo!!!!!!!!!!!!!!!!

Bom dia !!!Tudo bem por aí?Vim deixar um recadinho pra vc, e lhe desejar um ótimo final de semana !!! " Cada amigo novo que ganhamos na vida,nos aperfeiçoa e enriquece,não pelo que nos dá,mas pelo quanto descobrimos de nós mesmos.Ser amigo não é coisa de um dia….são gestos, palavras,sentimentos que se solidificam no tempo e não apaga jamais."beijão !!!**Dadi**

VIVA COMO AS FLORES!Em um antigo mosteiro budistaum jovem monge questiona o mestre …Mestre, como faço para não me aborrecer?Algumas pessoas falam demais, outras são ignorantes.Algumas são indiferentes.Sinto ódio das que são mentirosas.Sofro com as que caluniam.- Pois viva como as flores! – advertiu o mestre.- Como é viver como as flores? – perguntou o discípulo.Repare nas flores, continuou o mestre, apontando os lírios que cresciam no jardim.Elas nascem no esterco, entretanto, são puras e perfumadas.Extrai em do adubo malcheiroso tudo que lhes é útil e saudável…mas não permitem que o azedume da terra manche o frescor de suas pétalas.É justo angustiar-se com as próprias culpas, mas não é sábio permitir que os vícios dos outros o importunem.Os defeitos deles são deles e não seus. Se não são seus, não há razão para aborrecimento.Exercite, pois, a virtude de rejeitar todo mal que vem de fora.Isso é viver como as flores.Temos que viver de tal maneira, que nada que venha de fora possa transformar ou modificar a nossa forma de ser, e que somente as coisas boas possam ser assimiladas para o nosso crescimento. E que as qualidades das pessoas sejam exaltadas!BJS MIL…

: : : *. * . * . * . * . * .OIE!!! * . * . * . * . **. * .*_/\\_ *. * . * . * . * . * . * . * . * .*. *. * >,"< * estou passando * . * .* , + .*… * . * . * . * . * . * . * . * . * . ** . * . * . * _/\\_. * . pra deixar um* . ** . * . * . * >,"< . * . * . * . * . * . *. * . *+ * . *. * . * . * . * . * . beijo* .* . _/\\_ * . * . * * . * . * . * . * . * . * . * . *. * >,"< * . *. * . * e desejar * . * . * .*. * . * . * . * . * . * . *. * . * . * . * . * . * .* . * . * . * . * . * um ótimo final de semana pra vc *. *. *. **. * . * . * . * . * . * . * . * . * . * . * . *Até maisTati

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


  • Nenhum
  • Mr WordPress: Hi, this is a comment.To delete a comment, just log in, and view the posts' comments, there you will have the option to edit or delete them.
  • cibele: lindo!!!!!!!!!!!!!!!1
  • Tânia: Lindas palavras...Devemos aproveitar o dia procurando extrair os melhores momentos dele... sem negativismo, certo?! rsBjs...

Categorias

%d blogueiros gostam disto: